Ilustração: Marta Pucci

Puberdade

Quando terei a minha primeira menstruação?

Sintomas e sinais do corpo antes da primeira menstruação

por Anna Druet, Ex-gerente de Ciência e Educação; e Kat Wenger, Ex-Estagiária
  • Compartilhar este artigo no Twitter
  • Compartilhar este artigo no Facebook
  • Compartilhar este artigo pelo WhatsApp
An image for a banner advertisement for the Ruby cup product

*Tradução: Jade Augusto Gola

Coisas importantes a saber:

  • Se você puder, pergunte à sua mãe biológica quando ela teve a primeira menstruação.

  • Preste atenção em mudanças em seus mamilos, pelos pubianos, formas do corpo e corrimentos em sua roupa íntima.

Abaixo um resumo do que você precisa saber sobre quando terá sua primeira menstruação.

O primeiro passo para estimar a sua primeira menstruação é perguntar, se você puder, para sua mãe biológica quando foi que isso aconteceu para ela.

Além disso, seu corpo demonstrará alguns sinais.

Antes da sua primeira menstruação, você pode notar mudanças em:

A coisa mais importante a lembrar é que seu corpo é único. Não há um tempo "certo" para nada acontecer. Todo corpo saudável tem seus próprios padrões e tempo para as coisas acontecerem.

Uma mão segurando um celular com o Clue app aberto

Baixe o Clue para monitorar seus sangramentos e descobrir padrões pessoais.

Ilustração de uma avaliação cinco estrelas

4.8

mais de 2M+ avaliações

Ilustração de uma avaliação cinco estrelas

4.8

mais de 2M+ avaliações

Mamilos/seios

Mudanças em seus mamilos e seios podem ser as primeiras coisas que você observará.

Inicialmente, surgem os primeiros carocinhos ao redor dos mamilos. Logo, a parte mais escura dos mamilos crescerão e ficarão salientes—você pode sentir que há um pequeno calombo em seu peito. Estes são chamados de "botões mamários". Isso pode acontecer em ambos os lados ao mesmo tempo, ou apenas em um lado inicialmente. Se acontece em apenas um lado, pode levar até 6 meses para o outro lado surgir e igualar-se (1).

A primeira menstruação chega para a maioria das pessoas cerca de 2—3 anos após os primeiros sinais de crescimento dos seios (1,2). Se seus botões mamários começam a crescer ao redor dos oito ou nove anos, pode levar até três anos para sua menstruação ter início. Se seus botões mamários se desenvolvem mais tarde do que a maioria das pessoas na sua sala de aula, por volta dos 13 anos, pode levar menos de um ano para sua menstruação acontecer pela primeira vez (2, 3).

A forma do seu corpo e sua altura também mudarão ao redor desta idade. Ao notar os botões mamários, seu corpo inteiro já vai ter começado a se desenvolver mais rapidamente (4).

Pelos pubianos

Depois dos botões mamários, você pode notas os primeiros sinais de pelos pubianos. Apenas alguns longos fios podem brotar inicialmente. Mais pelos irão surgir com o tempo, e os fios ficarão mais crespos, grossos e espalhados em direção às suas coxas (1).

Há uma chance de você notar alguns pelos pubianos surgirem antes dos seios surgirem, mas a maioria das pessoas nota o contrário (5). Você provavelmente não verá nenhum pelo nas axilas até a época do início da menstruação, ou logo antes disso (5).

Forma do corpo

A forma e o tamanho do seu corpo também mudarão rapidamente antes de sua menstruação começar. O seu maior momento de "espichão" (de crescimento rápido) pode ser cerca de seis meses a um ano antes da sua primeira menstruação (é o caso para a maioria das pessoas, mas pode ser logo antes, dois anos antes, ou até mesmo após a primeira menstruação) (6—8). Se você está observando sua altura e percebeu que ela muda rápido e depois desacelera, a sua primeira menstruação pode estar chegando.

Junto de mudanças na altura e no peso, também é normal que suas calças comecem a ficar apertadas já que seu quadril se alarga (8). Algumas partes do seu corpo ficarão mais volumosas e arredondadas, enquanto outras partes continuam do mesmo jeito. Você pode notar essa transformação por volta do mesmo tempo que seus botões mamários começam a surgir.

Toda a área abaixo do seu abdômen é chamada de pélvis. A sua vagina, seu útero e seus ovários se localizam aí, e também crescem em tamanho (1). O tempo exato do crescimento do seu corpo é único para você.

Fluidos vaginais e cervicais

Algum tempo após seus seios começarem a crescer, você pode notar uma mudança dos corrimentos da sua vagina: você pode senti-la mais molhada do que antes (9). Algumas pessoas notarão isso cerca de 6–12 meses antes da primeira menstruação (10). É um tipo de líquido fino e esbranquiçado, sem muito cheiro.

Ao se aproximar de sua primeira menstruação, você pode começar a notar os fluidos que saem de sua vagina mudarem a cada dia. Mesmo que ainda não tenha "descido" a primeira menstruação pra você, este é o começo de seu ciclo menstrual, que é muito mais do que apenas a menstruação.

Os hormônios em seu corpo oscilaram para cima e para baixo durante cada ciclo, ao seu corpo de preparar para o lançamento de um óvulo. Isso altera os fluidos que saem de sua vagina. Às vezes haverá mais fluidos, às vezes menos. Os fluidos também terão diferentes aspectos em diferentes estágios de seu ciclo.

Eles poderão ser cremosos por um par de dias, como um hidratante de pele, ou elásticos e transparentes, como clara de ovo. Para algumas pessoas, pode ser difícil notar essas mudanças e diferenças até depois de alguns ciclos logo após a primeira menstruação.

Sua vagina é autolimpante, então certifique-se de lavar apenas com água os lábios internos da vagina ao tomar banho.

Viver estas mudanças, ou esperar que elas aconteçam, pode ser divertido e excitante, ou um desafio estressante. Pode ser especialmente difícil se as mudanças acontecem antes ou depois de muitos de suas colegas de classe.

Todos esses sentimentos são normais! Se você puder, encontre alguém com quem conversar que esteja passando pela mesmo processo, como uma amiga de confiança. Você também pode perguntar a um adulto de confiança para conversar ou mediar uma roda de conversa com colegas e amigas que estão passando pelas mesmas mudanças. Compartilhar histórias e experiências pode ser muito útil e fazer com que você sinta que tem apoio.

Uma mão segurando um celular com o Clue app aberto

Baixe o Clue app para monitorar mudanças e a duração de seu ciclo menstrual.

Ilustração de uma avaliação cinco estrelas

4.8

mais de 2M+ avaliações

Ilustração de uma avaliação cinco estrelas

4.8

mais de 2M+ avaliações

Kat, ex-estagiária do Clue, conta sua experiência sobre a expectativa da primeira menstruação:

"A menstruação pode ser dolorida, frustrante, uma bagunça. No entanto, eu não via a hora que acontecesse pra mim pela primeira vez. Quando eu tinha nove anos, minha mãe me ensinou sobre a menstruação, mas insistiu que eu não deveria esperar por ela tão cedo já que ela teve a dela um pouco mais crescida. Mesmo assim, eu estava determinada que comigo ia ser diferente.

Quando eu tinha 10 anos, eu acordei no meio da noite e fui ao banheiro, olhei para baixo e finalmente vi uma mancha de sangue! A espera havia acabado! Eu era uma adulta agora, pronta para enfrentar qualquer desafio! Corri para contar pra minha mãe, que me deu um absorvente com um olhar não muito convencido. Aquela noite eu estava muito emocionada para dormir, na expectativa de contar a novidade para meus amigos. Você pode imaginar meu desespero quando não havia nenhum sinal mais de nada vermelho, apenas um pequeno corte na parte superior da minha coxa. Alarme falso.

Ao longo da escola primária e do ensino médio eu tive que participar de diversas conversas sobre puberdade, em que professores de educação sexual me deram uma incontável quantidade de absorventes—'só para garantir'. Tive que assistir a todas minhas amigas chegando na escola contando em detalhes sobre onde e elas estavam e como se sentiram agora que eram 'mulheres de fato'. Eu não era fisicamente tão madura como elas mas tinha certeza que esse marco ia chegar pra mim e eu ia fazer parte. Dias, meses e anos se passaram. Eu vi todo mundo se desenvolver e conversar sobre como elas 'sincronizavam' e seus sintomas se relacionavam. Eu me sentia excluída.

Até que um dia eu percebi que era a única para quem ainda não tinha acontecido. Todas minhas amigas e colegas de classe haviam experimentado uma sensação que eu não podia compreender. Perguntei a uma amiga num ano acima do meu se a sensação era como a do xixi, e ela riu. Eu estava assustada, inconsolável. Minha mãe tentava me animar dizendo que eu não deveria desejar isso, que era bobeira. Eu perguntei à médica se eu era normal. Ela me deu um ano.

Um ano e meio depois, aos 14 e meio, finalmente eu menstruei pela primeira vez. Eu estava sozinha. Eu fui calmamente ao banheiro dos meus pais e peguei um absorvente. Foi na verdade muito anticlímax. Sem bolo, sem parabéns, sem profundas revelações, apenas eu e um pouco de sangue uterino.

Olhando para trás, eu tive sorte. Eu queria tanto ser parte de um grupo conectado ao sangue, que não aproveitei o tempo e desfrutei o fato de não ter que manter um abastecimento de produtos menstruais à mão, ou ter que saber tirar manchas de sangue das minhas calcinhas. Eu tinha medo de que eu não era normal. Mas quando se trata do ciclo menstrual, não há absolutamente nenhum 'normal'.

A idade média para a primeira menstruação (também chamada de menarca) tem diminuido assustadoramente por anos. Eu queria que alguém tivesse me aconselhado a ser paciente, a ter apreciado o tempo sem a menstruação e sem ter que ter medo de ser a última a sangrar. Vocês terão, em média, 40 anos de menstruações, e um ano extra ou dois não vai fazer muita diferença.

Você ainda está esperando a sua primeira menstruação?

Tente não se estressar muito sobre isso. Cada pessoa é diferente. Se você se preocupa que a sua menarca está demorando muito, ou se ainda não apareceu o periodo, a menstruação para você aos 15 anos, converse com provedores de saúde."

Artigo publicado originalmente em 26 de julho de 2017.

Aprenda sobre seu corpo e saúde feminina

A Steph do Clue te convida a ler nossa newsletter
Oi, eu sou a Steph! Enviaremos histórias educativas e curiosas sobre saúde feminina, além de compartilhar dicas e truques para você aproveitar o Clue app ao máximo!

An image for a square advertisement for the Ruby cup product
An illustration of a heart

Gostou dessa leitura? Ajude-nos a criar ainda mais conteúdo: contribua com nossa pesquisa científica. Contribua agora

Você também pode gostar de ler:

Artigos mais populares