Ilustração por Katrin Friedmann

Vida & Cultura

Como conversar sobre menstruação

Tradução: Monique Oliveira

Já precisou falar com alguém sobre menstruação, mas não sabia como? Agora é a hora de desmistificar tabus e de ficar mais à vontade com o corpo feminino e sua fisiologia. Separamos algumas ideias para introduzir o tema para qualquer um, a qualquer hora, em qualquer lugar.

Por que falar sobre menstruação é importante?

O primeiro passo para quebrar tabus é nomear e falar - sem usar eufemismos. E isso também vale para a menstruação. Ao falar sobre o assunto, você deixa claro que que não há problema em discutir, esse é o primeiro passo para quebrar o tabu da menstruação. Pode ser estranho no começo, mas quanto mais você fizer isso, mais confortável será.

Você sabia, por exemplo, que a expressão muito usada na língua portuguesa como sinônimo para a menstruação - o “estar de chico” – faz uma alusão à sujeira? Em Portugal, chico é uma outra forma de designar porco. A expressão não é lá muito lisonjeira em sua origem.

Como falar com pais ou familiares

É provável que seus familiares sejam as primeiras pessoas a saber quando você menstruou pela primeira vez. Geralmente, os adultos estão mais familiarizados com o tema e serão mais receptivos. Mesmo que sejam de uma geração anterior e possam não querer falar abertamente sobre o assunto, você pode ajudá-los a ampliar seus horizontes.

__Algumas ideias para introduzir o assunto: __

-Se você não se sentir à vontade para falar pessoalmente com seus pais, envie um e-mail ou escreva uma carta. Este é o primeiro passo para uma conversa tête-à-tête.

-Fazer uma pergunta pode ajudar a deixar o assunto mais casual. “Por que você acha que nós, enquanto sociedade, não falamos sobre menstruação? É tão normal! ”

-Desafio: peça ao seu pai (ou outro familiar que não menstrue) para comprar seus absorventes.

Com os amigos

Menstruação é um fato e influencia a vida. Então, provavelmente, o tema irá surgir entre amigos mais cedo ou tarde. Eis aí uma oportunidade. Quanto mais você compartilhar experiências, mais eles entenderão que a menstruação não é algo de outro mundo. É normal e faz parte da vida.

Fale sobre qualquer coisa estranha ou inesperada que tenha acontecido durante a sua última menstruação e pergunte se já eles passaram por algo parecido. Não se concentre só no lado negativo. Existe algo positivo para compartilhar? Uma ideia é começar a entender como o ciclo menstrual te influencia: algumas mulheres relatam aumento da libido no período pré-menstrual, por exemplo.

Pesquise sobre o tema aqui no Clue ☺. Dá até para compartilhar o seu ciclo menstrual com os mais íntimos se você se sentir à vontade ou até compartilhar absorventes.

Na escola

É muito comum que, às vezes, se precise de alguma ajuda com a menstruação em lugares que se frequenta muito – como a escola. Essa é uma oportunidade para falar sobre o assunto (especialmente com os meninos). Em algumas culturas, aqueles que não menstruam podem ser muito desinformados sobre o assunto.

Se os garotos precisarem de dados científicos, compartilhe um texto bacana na internet. Os rapazes que trabalham na Clue também estão disponíveis para falar sobre o assunto – a qualquer hora e em qualquer lugar.

Dá para ser criativo também e usar o útero como capa do caderno ou da agenda. Quando as pessoas se aproximarem, introduza o assunto.

Fale com um professor. Eles podem ajudar e serão discretos.

No trabalho

Essa situação pode ser um pouco mais desafiadora, já que em alguns lugares os ambientes são mais formais e não permitem assuntos mais íntimos. Eventualmente, no entanto, o assunto vai surgir. Quem nunca precisou pedir um absorvente emprestado?

Aqui estão algumas maneiras de quebrar o tabu no trabalho: -Segure o seu absorvente na mão quando for ao banheiro (não esconda!);

-Não se omita quando alguém usar linguagem inadequada ou depreciativa quando falar sobre mulheres e/ou menstruação;

-Apoie colegas que estão sendo alvo de piadas ou de comentários inadequados.

Com alguém que se está namorando

Se você está em um relacionamento com outra pessoa (que não menstrua), será difícil evitar falar de menstruação. Se essa relação envolve um cuidado com a gravidez, ou se está tentando engravidar, será necessário compartilhar informações sobre o ciclo menstrual. Use seu Clue app para isso, dá para dividir informações sobre ciclos de energia e até como a pele muda. Depois, conte pra gente como foi a experiência. ☺

Como reagir a uma piada inapropriada

Todos com ciclo menstrual já ouviram “Tá de chico? Tá TPM? É aquela época do mês?” em face de uma reação um pouco mais forte a algo. Você tem todo o direito de ficar com raiva ou responder da maneira como bem entender, mas se não souber lidar com a situação, abaixo estão algumas reações possíveis:

-Reação zero. Não sorrie, nem role os olhos. Apenas olhe sem qualquer resposta. Reaja com total estranhamento ao que foi dito sem sorrir. O recado será dado.

-Dê uma de “louca” e finja ser “muda”: “o que você quer dizer? Como assim? Do que você está falando? Você pode repetir”

-Vá pra cima, com “sangue no zóio”, ou melhor.... ☺: “Quando eu deixar meu absorvente ensanguentado em cima da mesa, você vai ver o que é TPM, isso é uma discussão como qualquer outra”

Baixe o Clue hoje, aprenda mais sobre o seu corpo e fique craque ao falar sobre menstruação!

*O Clue preza pela neutralidade de gênero: falamos de menstruação a partir de um esforço inclusivo - leia e saiba mais.

An illustration of a hand pressing a button

Let's support one another.

and champion menstrual health together. Make an impact today in one click.

An illustration of a hand pressing a button

Você também pode gostar de ler:

Artigos mais populares